10 segredos para fotos mais nítidas

10 segredos para fotos mais nítidas

Para ter fotos de qualidade, precisamos que elas estejam nítidas, bem claras e visíveis, sem ruídos ou tremidas, com o foco ajustado. Iremos passar várias dicas para revelar alguns segredos de ter fotos da maneira que você desejou, basta ler nosso artigo e sair treinando por aí 😉

1º segredo: segurar firme

 

segure-firme_10-segredos-para-fotos-mais-nítidas

Se não quiser comprar um tripé nem apoiar a câmera em uma superfície plana, tudo bem, o segredo também é segurar firme, você precisa ter mão boa. Empunhe a câmera com a direita e segure a lente com a esquerda. Temos solução para tudo, você já percebeu 😉

Aqui também você ver melhor do que estou me referindo “Como Segurar uma Câmera e Tirar Fotos Mais Precisas”. O nome do artigo já é autoexplicativo, né?

Este definitivamente é um “segredo” que você deve investir bastante, talvez tenha sido o que mais me ajudou, já que nem sempre o uso do tripé é possível.

2º segredo: o tripé

 

Velho conhecido nosso, o tripé é o equipamento campeão para dar nitidez às fotografias, já que nem sempre é possível segurar com a firmeza necessária a nossa câmera. A foto fica nítida porque a câmera está estável, firme em uma superfície reta e segura. Com a câmera estável, o sensor dela não irá chacoalhar e você fará fotos como sempre desejou. Adquira um tripé caso deseje ser um fotógrafo profissional. Caso seja fotógrafo apenas por hobby, e não está em seus planos comprar um, sempre apoie sua câmera em algo plano, como uma cadeira, uma mesa ou o parapeito de uma janela, por exemplo.

tripé---10-segredos-para-fotos-mais-nítidas

Para comprar um tripé, escolha um que seja alto e de marca de qualidade, resistente e com regulagem fina de cabeça. Use e abuse do tripé para fotografar paisagens e objetos imóveis. Neste artigo aqui “tripés – dicas e usos” você pode conhecer um pouco melhor sobre este objeto muito útil.

Se você se perguntou qual seria o motivo pra não investir em um, te confesso que o tripé é um pouco como o guarda-chuva, ou seja, aquele objeto extremamente útil em algumas ocasiões, mas que carregar pode ser um problema, além da possibilidade de esquecê-lo, por isso escolha um de acordo com suas reais necessidades.

3º segredo: disparo automático

 

smart-trigger-10-segredos-para-fotos-mais-nítidas

Câmera firme, seja no tripé, na superfície plana ou em suas mãos treinadas, agora você precisará configurar o disparo para que ele dispare automaticamente. Se você for disparar manualmente, o disparador irá tremer, pois você empurrará a câmera para baixo, o que acontece é que dependendo da velocidade que esteja usando, o movimento não influenciará na qualidade, mas em velocidades mais baixas, como abaixo de 1/30, por exemplo, o menor movimento já influenciará na nitidez das fotos. Por isso, utilize um disparador remoto ou simplesmente programe o timer (ou temporizador) de seu equipamento .temporizador

Mas lembre-se de procurar um disparador de acordo com seu equipamento (câmera e modelo). Existem disparadores com cabo, sem fio, e ainda tem aplicativos para celulares que também conseguem disparar a câmera remotamente, no estilo do Bluetooth Smart Trigger.

4º segredo: lentes e filtros de qualidade

 

Você já percebeu que são vários segredos para a nitidez das fotos, por isso é importante, se possível, usá-los juntos ao máximo. A qualidade de lentes e filtros também influencia na nitidez das fotos e isso é bem perceptível. Você pode até fazer um teste, utilizando produtos de qualidade inferior e depois substituindo por produtos de boa qualidade: a nitidez muda e muito. E isso não vale somente para filtros e lentes, invista na qualidade de seus equipamentos também, não somente no aprendizado das técnicas.

Como vivemos em um país onde a maioria dos produtos de fotografia são importados, eu costumo dar a dica de sempre procurar o preço no país de origem para fazer a comparação. Às vezes você encontra, por exemplo, um filtro que lá fora custa U$2.00 (dois dólares) sendo vendido a R$200.00, o que pode te levar a acreditar que ele é bom porque é caro, mas na verdade ele só está sendo vendido caro por aqui. Isso vale pra tudo que é importado 😉

5º segredo: descobrindo a abertura mais nítida de sua lente

 

Toda lente de abertura variável, tem uma que é mais nítida que as outras e estou escrevendo um artigo explicando passo a passo como fazer este teste, eu mesma sempre fiz com todas as minhas lentes. Depois que descobrir a abertura mais nítida de sua lente, você fará fotos melhores e principalmente com mais segurança. Aguardem! Se preferir, se inscreva gratuitamente na nossa newsletter pra não perder o artigo.

UPDATE: Aprenda a fazer o teste no artigo “Como descobrir a abertura mais nítida de sua lente“.



6º segredo: limpeza

sensor---Artigo-10-segredos-para-fotos-mais-nítidas

Mantenha todo o seu equipamento limpo, bem como seus acessórios. É sério, equipamentos e acessórios livres de poeira e mofo fazem fotos mais nítidas. Para a limpeza do sensor são necessários alguns cuidados devido à sensibilidade, por isso, vale levar à assistência técnica para a limpeza. Existem alguns métodos disponíveis na internet na política do faça-você-mesmo, mas lembre-se que é algo muito arriscado porque algum arranhão no seu sensor, e já era!

Um amigo fotógrafo já limpou o sensor da minha câmera e ele usou um bastão de limpeza chamado “CCD SWAB”, fiz uma busca rápida aqui e achei vendendo no Ebay por U$9,65, e no mercado livre mexicano?! Por U$200.00, isso mesmo!!! Diferença exorbitante, né? Ah, se é tão arriscado, porque eu deixei ele fazer? Porque além de ter muita prática na limpeza, ele era rico, brincadeira, ele era confiável e costumava fazer nos próprias câmeras sem nunca ter tido problemas!

Mas não deixa de ser um procedimento arriscado…

Você percebe que seu sensor está sujo quando alguns pontos escuros começarem a aparecer no mesmo lugar em todas as fotos, como nesta aí debaixo. E é claro que existem outras soluções como usar a ferramenta “clone stamp” do Photoshop pra corrigir, aliás, o Lightroom tem até uma opção de fazer esta correção automaticamente onde você pode dizer para o programa que seu sensor está sujo, mas isso está mais para recuperar um trabalho onde você não havia percebido a sujeira, do que como solução definitiva. O ideal é limpar, ah, e já ia me esquecendo de dizer: É um procedimento arriscado!

Exemplo-de-sensor-sujo---Artigo-10-segredos-para-fotos-mais-nítidas

7º segredo: velocidade do obturador

 

Para fazer fotos nítidas com assuntos em movimento, ajuste a velocidade do obturador para valores altos. Isso porque, como já comentamos bastante por aqui, o assunto é congelado e você evita tremidas e borrões, tornando suas fotos nítidas e com foco. Você pode também fazer disparos contínuos, assim com certeza algumas fotos ficarão mais nítidas do que as outras, basta selecioná-las mais tarde.

Com pouca iluminação ou em ambientes completamente escuros, mesmo com a velocidade alta do obturador, para aumentar a nitidez você precisará de um tripé ou apoio firme.

Eu sei que pode até soar estranho dizer para usar velocidades mais altas em ambientes escuros, mas o quero dizer é pra você dar atenção a esta velocidade, às vezes estamos usando um ótimo flash, mas insistimos em usar velocidade muito baixa para garantir a quantidade de luz, quando na verdade, quem deverá garantir isso é o flash. Ou seja, faça testes e veja até aonde seu flash segura a situação pra você, como? Simples, em uma situação de pouca luz, use diferentes velocidades pra descobrir qual a mais alta que pode usar!

8º segredo: estabilizador de imagens

 

estabilizador---10-segredos-para-fotos-mais-nítidas

O estabilizador de imagens é um recurso presente em algumas câmeras, você deve procurar no manual da sua câmera para saber a disponibilidade ou não deste recurso e como programá-lo. Ele diminui as tremidas quando você segura a câmera. É útil para quem não utilizará tripé ou apoio para o equipamento. Portanto, mesmo segurando a câmera, com o auxílio de um estabilizador de imagens e com o disparo automático, suas fotos ficarão bem melhores. Ideal para fotografar festas, onde o uso do tripé não é aconselhável.

Mas é preciso ficar atento, o estabilizador de imagens precisa ser ótico, alguns fabricantes usam este termo, mas na verdade o que fazem é aumentar o ISO pra você poder fotografar com mais velocidade, aliás, se tiver dúvidas em relação à velocidade, abertura ou ISO, meu ebook “Fotometria simples – Você no controle da luz já está disponível na nossa loja e tenho certeza que você verá todos os artigos aqui do site com outros olhos!

Voltando ao estabilizador, este é outro artigo que acho que merece uma atenção especial, por isso publicarei um só com este assunto.

9º segredo: ISO

 

A sensibilidade ISO aparecendo de novo! Ajuste sua câmera para valores de ISO baixos, como 100, e veja a nitidez de suas fotos aumentar. Quanto maior o ISO, maiores serão as chances de ruídos na imagem. Você não é obrigado a manter o valor de ISO sempre em 100, vá aumentando o número e compare as fotos, assim saberá o limite máximo sem que haja perda de nitidez.

Mas lembre-se que o ISO sempre diminuirá a nitidez de suas fotos, mesmo em boas condições de luz, digo isso porque apesar de parecer um pouco esquisito falar de ISO alto em boas condições de luz, pode acontecer de você estar em um ambiente com o ISO alto e esquecer de diminuí-lo quando entrar em condições melhores, como fotografando em museus (nos que são permitidos, é claro) e quando saindo acabe compensando a fotometria com a velocidade e a abertura, por isso,  cuidado, diminua o ISO primeiro! E é evidente que estou usando o exemplo por experiência própria! 🙂

10º segredo: iluminação

 

Temos como último segredo a iluminação. Adquira um flash externo ou então alguma outra luz auxiliar. Quanto maior a iluminação no ambiente, mais nitidez suas fotos terão.

Eu aprendi nesses anos de fotografia que às vezes uma coisa que parece óbvia como este 10º segredo, muitas vezes pode ser a diferença de uma boa foto. Ficamos tão envolvidos com tantos detalhes na hora de fotografar que nos esquecemos do principal: Sempre procurar melhores condições de luminosidade!

Você reparou que os segredos são, em sua maioria, nossos velhos conhecidos não é? Basta um olhar diferente ou usá-los todos juntos para ter fotos mais nítidas.

E você? Conhece algum segredo que possa complementar estas informações? Compartilhe com agente aqui nos comentários!

       Até a próxima!

Assinatura Simxer - Autora do Foto Dicas Brasil

Dicas para fotografar paisagens

Dicas para fotografar paisagens

Algumas técnicas simples que podem melhorar o resultado!

Fotografar paisagens incríveis durante uma viagem, ou até mesmo um lindo pôr do sol no dia a dia, são momentos marcantes e especiais na vida de um de quem ama fotografar e mesmo que as paisagens estarem sempre disponíveis, fotografá-las pode ser desafiador muitas vezes .

Existem vários tipos de paisagem, naturais ou urbanas, com ou sem iluminação.  A utilização de alguns recursos e equipamentos pode ajudar a realçar ainda mais a beleza da sua foto.

Separei para você algumas dicas e técnicas para que possa transmitir toda a beleza da paisagem através das lentes da sua câmera, seja ela uma DSLR, compacta ou até mesmo um celular!

Composição dos elementos

2a_TorresdePaine_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

É possível isolar os elementos mais importantes da paisagem como, por exemplo, o céu, o mar ou areia. Isolar não é necessariamente agrupar todos os elementos em um único ponto de visão, mas sim alternar ângulos.

3a_AltiplanoBoliviano_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Seja criativo e experimente isolar um único elemento, dando beleza e outra visão a apenas um item da paisagem.

Iluminação do sol

6a_Capri_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Ah o sol, fotografar paisagens onde o sol está presente costuma dar ótimos resultados, mas para isso aproveite os momentos antes do nascer e do pôr do sol para fazer maravilhosas fotografias de paisagens.

4a_SalardeUyuni_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Nestes horários o sol já está mais fraco, causando efeitos de amanhecer e entardecer amarelados.

 5a_GranRoque_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

 Esses momentos do dia deixam as cores fantásticas, e a riqueza dos tons ficam ainda maiores.

Enquadramento – Regra dos terços

7a_SalardeUyuni_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Uma técnica simples e que causa um efeito muito bonito é a regra dos terços. Ela possibilita uma composição equilibrada, basta dividir o enquadramento em quatro linhas verticais e horizontais.

8a_ValDiFunes_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Os quatros pontos de intersecção são onde os nossos olhos se fixarão, e chamará mais atenção ao olhar para a foto. Programas de edição como o Lightroom possuem sobreposições que você pode colocar em cima da foto e refazer o enquadramento baseados em regras de composição, incluindo a regra dos terços.

Veja de Outros Ângulos

9a_CrasquíVenezuela_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Crie novas possibilidades, descobra detalhes interessantes que possam realçar ainda mais a beleza da paisagem e mostre através da fotografia uma nova visão de um determinado ponto ou ângulo diferente.

10a_IsladeSanAndrésColômbia_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Para colocar em prática, pense que você está dando vida e descobrindo o lado 3D de uma determinada paisagem, para isso não economize em abaixar ou subir em pontos mais altos para conseguir novos ângulos!

Profundidade

11a_TorresdePaine_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Sempre que for fotografar paisagens amplas, como praias, campos, ou cidades, procure deixar o fundo sempre nítido!

12a_TorresdePaine_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Uma dica é utilizar sempre o tripé e uma aberturas menores como f/ 20 ou f/16, por exemplo.

Paisagens urbanas

13a_Chrysler-BuildingNova-York_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Os grandes edifícios espalhados pelo centro das maiores cidades possuem grande riqueza arquitetônica. Encontre formas e padrões dos quais a cidade foi construída e represente toda esta beleza através da sua fotografia.

14a_TheNewYorkPublicLibraryYork_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

As fotos monocromáticas com tom sépia, ou vermelho vivo são perfeitas para fotografar paisagens urbanas, deixando um contraste entre o aspecto envelhecido e o mundo moderno. Sempre funciona.

Silhueta

15a_PlayadeCarmen_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Outra maneira de valorizar as paisagens é criando silhuetas de pessoas ou objetos. É uma técnica simples, mas que costumam dar bastante resultado e consiste em fotometrar o fundo mais claro, assim o objeto fica naturalmente escuro.

16a_ForteSãoPedrodoBoldró_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Véu de noiva

17a_TorresdePaine_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Outra técnica para fotografar paisagens que dá resultados visuais muito interessantes é a “Véu de noiva”, a dica é você fotografar em baixas velocidades (1/8 ou 1/15) e de preferência com um tripé ou com a câmera apoiada em algum lugar pra foto não tremer!

18a_TorresdePaine_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Não perca a oportunidade

19a_FernandodeNoronha_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Não adiantaria todas estas dicas se você não fizer as coisas mais importantes que é ser criativo, se divertir e não perder a oportunidade!

20a_FernandodeNoronha_DicasdeComoFotografarPaisagens©MarconiCouto

Fique atento quando fotografar paisagens porque a natureza costuma surpreender.

Equipamentos para fotografar paisagens

Agora que você já é conhecedor de todas essas dicas, é importante conhecer alguns equipamentos úteis e que são utilizados pela prática de fotografia de paisagens, que permitem obter os melhores resultados.

Lentes: Lentes maiores proporcionam maior nitidez.  Utilize lentes grandes angulares de 24 mm ou 35 mm fixas ou com grandes zoons. Prefira as lentes menores quando for necessário enquadrar uma paisagem ou fotografar lugares específicos e de difícil acesso.

Tripés: O tripé é um acessório indispensável para quem deseja fotografar paisagens. Ele permite maior nitidez e evita que as imagens fiquem tremidas, além de auxiliar enquanto espera um determinando momento, como o nascer ou o pôr do sol, por exemplo.

Cabo disparador: É um acessório fundamental e simultâneo ao tripé. Ele permite acionar o obturador sem que seja necessário o contato com as mãos.  Uma ótima dica é utilizá-lo para fazer fotografias com disparos contínuos, você também pode utilizar o temporizador da sua câmera , geralmente de 2 ou 10 segundos.

Filtros: O uso dos filtros é indicado para dar uma nova textura e reduzir o contraste nas fotos.   Existem muitos modelos de filtros que possibilitam diversos efeitos, desde a intensificar as cores, capturar movimento das águas, equilibrar diferenças da luz e até permitem a entrada em uma nova dimensão, apresentando um grande campo de visão.

Fotografar paisagens, como qualquer outro estilo fotográfico demanda um aprendizado básico, mas essencial para sua jornada fotográfica, se você quiser aprender de forma simples, rápida e consistente como ter resultados cada vez mais incríveis, conheça meus Cursos Online.

     Boas fotos!

“Todas as fotos sensacionais usadas nesse post são do meu aluno ©Marconi Couto!”