Foto Dicas Brasil Foco Cravado - Mais Nitidez nas Fotos - Foto Dicas Brasil
1.324 views | by Simxer
Foco Cravado – Mais Nitidez nas Fotos

Foco Cravado – Fotos embaçadas nunca mais!

Quando estamos iniciando na fotografia, o primeiro desafio que enfrentamos é conseguir a luminosidade correta pras nossas fotos, não queremos nem fotos clara demais e nem escuras demais, ou seja, precisamos dominar a fotometria, que justamente tem o objetivo de calcular a quantidade da luz que entra na câmera, resultando em uma imagem equilibrada e deixando a foto perfeita, ou seja, “É a quantidade de luz capturada por uma fotografia”. O segundo desafio mais importante, e talvez que acompanhe mais tempo a jornada de fotógrafos iniciantes, é a Nitidez!

A dificuldade está justamente porque é preciso uma curva de aprendizado um pouco maior do que a fotometria, já que ter fotos nítidas e bem focadas, passa pela fotometria, pelos equipamentos (lentes e câmeras) e por técnica fotográficas, a boa notícia que é possível que o seu problema seja somente um deles, e quanto mais você souber das possibilidades de erros e correções, mais garantido que tenha fotos cada vez mais nítidas. E importante, todo mundo em algum momento vai ter dificuldades de fotos nítidas, isso é esperado, por vários motivos que irá ver a seguir, então não se preocupe em fazer a foto sempre perfeita de primeira, isso é uma fantasia, quanto mais você estudar e praticar, menos tempo levará pra conseguir acertar, só isso.

Nitidez e Fotometria

 

Dentro da Fotometria temos 3 parâmetros pra determinar a quantidade de luz das nossas fotos: Abertura, Velocidade e ISO, o nosso triângulo de exposição. Acontece que esses 3 parâmetros também podem influenciar na nitidez das nossas fotos, é um jogo de xadrez, você vai ajustando a melhor configuração de luminosidade e nitidez dentro do possível pra cena que está registrando, tendo em mente as configurações a seguir.

Fotos mais nítidas com a Abertura correta

O tamanho da Abertura que ajustamos nas nossas câmeras, é responsável pelo Efeito de Exposição conhecido com DOF (Depth Of Field), ou profundidade de campo, que simplificando, determina o quanto da nossa cena estará em foco. Aberturas grandes, números pequenos (F/3.5, F/2.8, F/2.0, 1.8, etc.) possuem profundidades de campo pequenas, ou rasas, fazendo com que seja importante pra fotos com fundo desfocado, mas também responsáveis por desfoque que muitas vezes não queremos. Quando se usa aberturas muito grandes como F/1.8, abertura da famosa 50mm F/1.8, lente que tem um ótimo custo-benefício pra quem está iniciando, precisamos estar muito próximos daquilo que queremos em foco, próximo mesmo! Se você se distanciar, provavelmente sua foto ficará sem nitidez. Ah, Simxer, e como saber qual a distância? Tem a forma nerd de descobrir com calculadoras online de DOF, que eu adoro, e tem a forma infalível, que é a que eu uso e recomendo: Teste!
Vai fazer um ensaio fotográfico? Teste a distância em casa primeiro com outra pessoa ou objeto, até perceber como a abertura se comporta.
As fotos não precisam ter muito fundo desfocado? Diminua a abertura (números grandes como F/5.6, F/8, etc.) vão colocar mais da sua cena em foco e voilá, fotos mais nítidas à caminho.

O papel da Velocidade na nitidez das nossas fotos

Outro parâmetro da fotometria que influencia na nitidez das nossas fotos é a Velocidade, quanto mais baixa, eu geralmente considero velocidade baixa, abaixo de 1/60, e caso você ainda não saiba, esse “1” é de 1 segundo, ou seja, 1 segundo dividido por 60, que é uma velocidade que pode parecer muito rápida, mas não é, considero suficiente pra conseguir fotografar sem tripé e ter um bom resultado dependendo da firmeza com que você segura sua câmera.
Pra conseguir mais nitidez, o ideal é fotografar com 1/100 ou mais, porque quanto mais baixa a velocidade, mais chances da sua foto sair borrada ou tremida, principalmente se o motivo da sua foto estiver se mexendo, e quanto mais se mexendo, mais alta terá que ser a velocidade pra garantir a nitidez, como 1/500, 1/640, etc.

A importância do ISO na nitidez

O ISO é um parâmetro fascinante da nossa fotometria, ele é responsável por deixar o sensor da nossa câmera mais sensível à Luz, o que seria algo incrível se ele não estivesse disponível em todas as câmeras, e porquê? Simplesmente por que quanto menor o sensor da sua câmera e maior o ISO, mais ruído você terá na sua foto, e consequentemente, menos nitidez. Se você tem uma câmera de entrada, esse é um parâmetro pra usar com cuidado, porque são grandes as chances de suas fotos saírem com ruído, que são aqueles pontinhos coloridos e indesejáveis que aparecem, principalmente quando fotografamos à noite, aliás se você já fez uma foto à noite com o celular, provavelmente já foi apresentado ao conceito de ruído 😉

Então quanto mais baixo for o ISO, maiores as chances de nitidez!

Lentes Nítidas

Sim, as lentes fazem diferença quando falamos em nitidez, quanto melhor a construção, mais nítida ela costuma ser. As lentes prime (fixas), aquelas que possuem somente uma abertura, como a 50mm F/1.8, costumam ter mais nitidez do que uma lente de abertura variável como a 18-135mm F/3.5-5.6, simplesmente porque a segunda possui vários elementos óticos que permitem que ela tenha várias distâncias focais, ou seja, enxerga desde ângulos mais abertos ao mais fechados, porém, por causa da construção, com menos nitidez.
Para uma lente conseguir ter muita nitidez em vários elementos, o valor dela está diretamente ligado, então quanto melhor a construção, mais nitidez.

Mesmo que você não entenda nada de inglês, ou de lente, indico você dá uma olhada no site da Opticallimits.com, lá você pode fazer uma busca pela lente que está interessado e sempre tem um veredito com estrelas que pode te ajudar a ter uma ideia se uma lente vale à pena, ou escolher entre duas, por exemplo.
Esse é o veredito entre as duas lentes que usei de exemplo em relação à “qualidade ótica”, onde vai estar a nossa nitidez, “qualidade mecânica”, onde se avalia a resistência física e o “custo-benefício”, que é o que você deve muitas vezes levar mais em consideração, principalmente se estiver escolhendo uma segunda lente depois da lente do kit.

Canon EF 50mm f/1.8 II – Veredito da Opticallimits.com

1. Foco Cravado - Mais Nitidez nas Fotos - 50mm

 

Canon EF-S 18-135mm f/3.5-5.6 IS – Veredito da Opticallimits.com

2. Foco Cravado - Mais Nitidez nas Fotos - 18-135mm

Repare que a qualidade ótica e o custo-benefício da 50mm é melhor em relação à 18-135mm.

Foco e Nitidez

O Foco costuma ser a primeira coisa e muitas vezes a única que responsabilizamos pela falta de nitidez em nossas fotos, mas como vimos até aqui, existem muito mais coisas pra levar em consideração, e claro que sim, o Foco é fundamental e em alguns aspectos diferentes!

Modo, Tipo, Onde e Como Focar pra ter mais Nitidez

Primeiro, o Modo de Foco é importante pra você conseguir mais nitidez, isso evita fotos tremidas. Se estiver fotografando algo que não está se mexendo, use “AF-S” para a Nikon ou “One Shot”, se o motivo da sua fotos estiver se movendo, use o modo de foco contínuo “AF-C” para Nikon ou “AI Servo” para Canon, ou você pode estar se mexendo e o seu motivo não, então use AF-A para Nikon ou AI Focus para Canon, que seria a junção dos dois modos anteriores, mas nesse caso a maior parte do controle é da sua câmera, ela vai usar o modo contínuo e só quando encontrar seu motivo parado, que irá focar. Eu, particularmente uso o One Shot como padrão na maioria de minhas fotos, só quando preciso muito, que eu troco.

O Tipo de Foco também pode determinar como sua câmera está “lendo” sua cena pra focar. Quanto mais claro você disser pra ela o que você quer em em foco, melhor pro seu resultado e pra isso o Modo de área AF, que são os pontinhos vermelhos que acendem quando apertamos o botão do obturador, pode fazer toda diferença. O Modo de área Central ou Único, geralmente é mais preciso e, por isso, mais nítidos.

Onde focar pra conseguir mais nitidez? Você já deve ter ouvido falar que é sempre nos olhos, mas sabe por quê? Por que nossas câmera focam por contraste, e os olhos são um excelente lugar pra ajudá-la nessa tarefa. O ideal é que você esteja perto da pessoa pra conseguir que essa técnica funcione, de preferência fotografando ela dos joelhos pra cima, se estiver mais distante que isso, pode focar em outra área que possua contraste, ou seja, que tenha uma divisão clara de cores, aliás, é exatamente por isso que quando tentamos fotografar uma parede toda branca, a câmera não consegue focar de jeito no foco automático, experimente!

Dito tudo isso, só falta dizer como Focar pra garantir que sua foto ficará mais nítida o possível. Eu empilho o máximo de possibilidades que descrevi nesse artigo, utilizo na maioria das minhas fotos o One Shot e o ponto central do modo de área da minha câmera e por isso, eu prefiro focar e recompor, do que correr o risco de uma foto borrada. Se o motivo da minha foto estiver parado, eu também confiro a foto em 100% do LCD depois de feita pra ter certeza que está tudo de acordo. Dependendo do que estiver fotografando, mesmo sendo mais complexo pra quem está iniciando, você pode usar o Foco Manual da sua lente, o importante é garantir a nitidez! E por último, mantenho sempre meus equipamentos (lentes/Câmera e Filtros) limpos!

Conclusão – Formas de conseguir mais Nitidez

É importante sempre ter em mente que quanto mais você estudar, mais fácil vai ser identificar qualquer tipo de problema que esteja tendo pra conseguir as fotos que sempre sonhou, e praticar é fundamental pra que esse processo de todas essas escolhas sejam fáceis e natural, acredite, mesmo fotografando profissionalmente, nós também erramos, a diferença é que sabemos como consertar 😉

E fique muito atento, Foco e Nitidez sempre se busca na Hora da Foto, mesmo que a pós-produção possa ajudar a melhorar nossos resultados, quanto melhor a foto for pra dentro do Photoshop e Lightroom, melhor resultados teremos.

Se gostou desse artigo, compartilhe com seus amigos e te vejo em breve!

Um abraço e Vamos Juntos,

Assinatura Simxer Fernandes

Simxer é autora e fundadora do Foto Dicas Brasil e Fotógrafa profissional há mais de 15 anos. É empreendedora e apaixonada pelo que faz. Autora dos Best Sellers "Fotometria Simples - Você no Controle da Luz" e "Nikon ou Canon, câmera profissional ou semiprofissional? Aprenda a decidir você mesmo", se orgulha de ministrar os melhores e mais completos cursos online de fotografia para Iniciantes e hobbystas que contam com fotógrafos iniciantes de vários países, além do Brasil, como Portugal, Estados Unidos, Japão e África. E está sempre em busca de despertar a sua paixão pela fotografia em outras pessoas e aprender com outros apaixonados!

4 Comments
Leave a Reply

— required *

— required *

Powered by Foto Dicas Brasil.